STORYTELLING: As 10 melhores dicas para criar o seu

by - 16:17

Para envolver o público é preciso saber comunicar bem, de forma clara e criativa. Foi nesse cenário que o storytelling conquistou a atenção na produção de conteúdos.



Mas afinal de contas, o que é storytelling?

De forma simples e direta storytelling é a arte de contar histórias. 

Desde os primórdios da humanidade as histórias criam conexões com as pessoas que têm contato com as histórias elas geram empatia e criam impacto, possibilitando mudanças sociais e agregando valor à marcas.


Contar uma história é uma forma de elaborar a descrição de um fato e fazer isso utilizando elementos chave, para comunicar uma perspectiva particular. Fazer isso de maneira consciente e estratégica transforma o storytelling em uma ferramenta de grande valor. Todas as pessoas e marcas contam histórias o tempo todo, mas muitas vezes existem pequenas falhas na comunicação que fazem com que a história não tenha o impacto desejado, por isso é importante saber contar suas histórias 



Como você pode criar histórias que gerem valor? É sempre interessante você fazer inicialmente o levantamento das possíveis histórias que irá contar e na sequencia realizar uma curadoria para entender quais histórias tem mais potencial de impactar o seu público.
Para te ajudar separamos algumas dicas que podem te ajudar a construir seu storytelling




1 - Briefing
  • Crie um rápido resumo do seu storytelling e deixe claro qual será a história contada.
2- Qual impacto eu desejo gerar criando minhas histórias?

  • Você pode escrever como você gostaria que o público se sentisse ao entrar em contato com a sua história.
  • E também colocar no papel: De que forma eu desejo ser visto pelo público. 
    Pensar nestes detalhes podem te ajudar a definir partes da história que será contada.
3- Para qual público estou falando?
  •  Anote palavras que sejam utilizadas por este público para que você possa analisar se sua comunicação está alinhada.
4- Defina os personagens
  • Quem são os personagens da minha história? 

5- Qual será o clímax do seu texto?
  • O clímax em uma narrativa é aquele ponto de momento crítico onde torna o desfecho é inevitável. É importantíssimo pensar no clímax da história, porque ele costuma causar um mix de emoções no público.
6-  Menos é mais

  • Muitas vezes a gente se incomoda de ver que a nossa história parece estar curta, mas você precisa entender que o importante é a mensagem. Por isso, o mais importante aqui é focar no que realmente importa, ou seja, o storytelling. É muito melhor uma história curta do que uma gigante cheia de desespero e cansaço.

7- Ação Positiva 
  • De que forma a sua história pode gerar uma ação positiva.
8- Conteúdo visual
  • Seja uma foto, um vídeo ou ilustração o conteúdo visual comunica tanto quanto a mensagem escrita, ou falada e pensar nessa etapa pode muitas vezes definir o sucesso do seu storytelling.
9- Tenha um começo, meio e fim
  • Pense que o começo é a introdução da sua história
    o meio o desenvolvimento e o fim é o desfecho, com uma pitada de surpresa.

10- Falar com verdade e convicção 
  • Muito mais do que criar uma história bonita e emocionante, você deve apresentar verdade em tudo o que você está contando, acreditar em cada palavra contada e ter convicção na sua história.
    Isso passa credibilidade e tem um fator emocional extremamente relevante.

*Uma dica legal é que você pode escrever estes elementos no seu briefing para que você possa conduzir a sua história para o caminho desejado.


Aplique já:



O mais legal do storytelling é que você pode utilizá-lo de diversas formas, desde a criação de um vídeo institucional até a produção de um simples story.
Você pode utilizar a técnica de diversas formas na produção do seu conteúdo. Faça esse exercício hoje e não se esqueça de pensar sempre: -De que forma eu gostaria de ser visto pelo meu público? 







Talvez você goste

0 comentários